Resenha

{Resenha} O Palácio de Inverno

Olá, aventureiros!

Hoje tem resenha [êêê]! E resenha de um livros que, sem dúvida, entrou para a listinha dos favoritos da vida (aliás, ultimamente muitos livros que leio tem entrado para essa lista]. O e-book  O Palácio de Inverno, do incrível, sensacional, John Boyne (o mesmo autor de O Menino do Pijama Listrado).

12868_gg

Quem me conhece ou acompanha o canal e blog a algum tempo, sabe que eu sou apaixonada por livros onde as histórias tenham algum contexto histórico, que se passam em algum momento da história. E esse livro não é diferente.

O Palácio de Inverno conta a história do jovem Geórgui, que vivia em Cátchin, na Rússia, com sua família. Era um mujique (servo, camponês), assim como seu pai.Mas sua vida muda, quando salva a vida do primo do czar russo Nicolau II de um tiro disparado pelo seu melhor amigo.

Após o ato heroico, ele é convidado para ir até São Petersburgo (Rússia) para morar no Palácio de Inverno da família Romanov e cuidar do filho do czar, o czarevich Alexei.

O Palácio de Inverno se passa em três períodos: a vida de Geórgui no campo, a vida dele em São Petersburgo e após a fuga da Rússia.

A família Romanov foi a última dinastia imperial da Rússia (antes de Lenin conseguir o poder e derrubar o império). Ela governou o Império Russo por quase três séculos, de 1613 a 1917. O czar Nicolau II morava com sua esposa, a quem ele carinhosamente chamava de florzinha, e seus filhos Alexei (o czarevich), Maria, Anastacia,Olga e Tatiana

familia-romanov

Geórgui chega no Palácio de Inverno e se encanta com todo o luxo e cheiro de poder. Muito diferente da vida humilde que passava com sua família no campo. O czarevich Alexei logo se encanta com Geórgui. A saúde de Alexei nunca foi boa (ele sofria de uma doença crônica) e era preciso tomar todos os cuidados com ele.

O jovem Geórgui se apaixona pela filha mais nova do czar, Anastacia. Era um amor proibido, porém, correspondido. Os dois viveram muitas aventuras com essa paixão secreta.

O czar era conhecido com o representante de Deus na Terra e exigia o devido respeito. Sua esposa tinha como uma espécie de conselheiro um padre (e eu fiquei bolada com esse padre, que era muito “vida loka”). Suas filhas eram simpáticas com os demais e, sempre que alguém as reconhecia na rua, pediam a bênção delas.

Com o passar do tempo, a dinastia Romanov foi perdendo força. Não tinham mais credibilidade com a população. E aí acontece um tipo de golpe. Os bolcheviques chegaram ao poder, tendo Lênin como líder. Logo a família Romanov é tirada do Palácio de Inverno. Ficam “exilados”, presos, em uma casa em Ekaterinburgo.

Para desespero de Geórgui, ele acredita que não verá mais a amada Anastacia. Tudo acontece muito de repente. E agora? Como os dois iriam se encontrar?

Eis que Geórgui decidiu partir em busca não só de sua amada, mas da família Romanov, e principalmente do czar, a quem sempre foi leal e não seria agora que iria abandoná-los. Foram semanas de caminha até finalmente encontrá-los.

Maria, irmã de Anastacia foi a primeira a ver Geórgui escondido entre as árvores. Combinou de contar a irmã que seu amado estivera ali. Maria se apaixonou pelo soldado Serguei. Os dois começaram a ter um relacionamento que logo acabou, após o czar descobrir. Serguei foi expulso do Palácio de Inverno e ficou bem distante de Maria. Depois desse dia, ele nunca mais foi visto. E Maria não queria que o mesmo acontecesse com a irmã.

Numa madrugada, quando Geórgui e Anastacia iriam se encontrar, acontece uma movimentação estranha na casa. Anastacia estava pronta para encontrar o amado quando percebeu que muitos soldados entraram. Ouviu-se disparos de tiros. E mais. E mais. Anastacia observou tudo pela janela. Mataram sua família! Os bolcheviques e o líder deles mataram a última dinastia Romanov (isso não é spoiler, é fato, é História)!

Atônita, Anastacia correu em busca de Geórgui.

Paro por aqui para não contar demais. Acho que deu para ficar com um gostinho de saber o que aconteceu depois com Anastacia e Geórgui. Será que ficaram juntos? Será que ela contou o que aconteceu com sua família para o amado?

Foi interessante descobrir o fim que Anastacia e Geórgui tomaram. Só descobrimos isso no final da história, como se as peças de um quebra-cabeças começassem a se encaixar.

No livro, um capítulo é sobre a vida de Geórgui na Rússia e outro é após sair de lá. Os capítulos se intercalam. Mesmo assim, a história não fica confusa.

INDICO ESSE LIVRO! Leiam! É uma história surpreendente envolvendo História e romance.

paaAutor: John Boyne

Editora: Companhia das Letras

3 comentários em “{Resenha} O Palácio de Inverno”

  1. HAHAHAHAHAHA “fiquei bolada com esse padre, que era muito ‘vida loka'”!!!!! ahuhuahuahuahuahuau amei!!!!!!!!
    John Boyne tem uma escrita bem tranquila, pelo que li no “O menino do pijama listrado”. Esse aí também é considerado infanto-juvenil, Kelly?
    Gostei da ideia de fazer a história se passar na Rússia, nesse momento tão conturbado! 😀
    Beijoooos, adorei a resenha!
    Nati

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s